sábado, 20 de dezembro de 2014

Opinião:O Jardim Encantado de Sarah Addison Allen


Título: O Jardim Encantado
Autoria: Sarah Addison Allen
Editora: Quinta Essência
Nº de Páginas: 270

Sinopse:

Num jardim escondido por trás de uma tranquila casa na mais pequena das cidades, existe uma macieira e os rumores que circulam dão conta de que dá um tipo muito especial de fruto. Neste encantador romance, Sarah Addison Allen conta a história dessa árvore encantada e das extraordinárias pessoas que dela cuidam...
As mulheres da família Waverley são herdeiras de um legado mágico — o jardim familiar, famoso pela sua macieira, que produz frutos proféticos, e pelas suas flores comestíveis, imbuídas de poderes especiais que afectam quem quer que as coma.
Proprietária de uma empresa de catering, Claire Waverley prepara pratos com as suas plantas místicas — desde as chagas que ajudam a guardar segredos até às bocas-de-lobo destinadas a desencorajar intenções amorosas. Entretanto, a sua idosa prima Evanelle é conhecida por distribuir presentes inesperados cuja utilidade se torna mais tarde misteriosamente clara. São elas os últimos membros da família Waverley — com excepção da rebelde irmã de Claire, Sydney, que fugiu da cidade há muitos anos.
Quando Sydney regressa subitamente a Bascom com uma filha pequena, a tranquila vida de Claire sofre uma reviravolta, bem como a fronteira protectora que erigiu tão cuidadosamente em redor do seu coração. Juntas uma vez mais na casa onde cresceram, Sydney reflecte sobre tudo o que deixou para trás ao mesmo tempo que Claire se esforça por sarar as feridas do passado. E em pouco tempo as irmãs apercebem-se de que têm de lidar com o seu legado comum para viverem as alegrias do futuro que se anuncia.

Encantador e pungente, este fascinante romance irá, seguramente, enfeitiçar o leitor.

Opinião:

Esta não foi a minha estreia com a autora mas sim o segundo livro que tive a oportunidade de ler dela. Depois de ter adorado o "Feitiço da Lua" foi com muitas expectativas que embarquei nesta nova aventura.

O enredo desta obra é simples mas tão bem trabalhado que depois de o leitor devorar o livro ainda suspira por mais. Claire tem um quintal onde produz plantas mágicas, mas a sua vida irá virar-se do avesso quando a sua irmã rebelde, Sidney, volta a casa com a sua filha de cinco anos.

Quanto às personagens todas elas são importantes, carismáticas e divertidas tal como as suas descrições. E claro, adorei a Sidney e o seu toque de ironia.

Recomendo sem sombra de dúvida e vou continuar a seguir o trabalho da autora.

Sem comentários:

Enviar um comentário